AS COLÔNIAS ESPIRITUAIS E A CODIFICAÇÃO

Capa-as-colonias-site

279 páginas - 14 x 21

Na busca de material sobre “A vida no mundo espiritual” visando apresentá-lo num dos módulos de estudos doutrinários no Grupo Scheilla – Centro Espírita Oriente, uma das tradicionais casas espíritas de Belo Horizonte, o autor percebeu que o tema é polêmico no meio Espírita. Em razão disso resolveu aprofundar um pouco mais, daí surgindo um texto, que agora é publicado o livro “As colônias espirituais e a codificação”.

Solidificando sua certeza da existência delas, apresenta várias fontes, inclusive algumas anteriores à literatura André Luiz, diga-se de passagem. Cita, por exemplo, os pesquisadores e/ou estudiosos espíritas Léon Denis, Ernesto Bozzano, Sir Oliver Lodge, Athur Conan Doyle, Cairbar Schutel, Herculano Pires e Richard Simonetti. Aponta autores não espírita, que também, as citam em suas obras, entre eles, Pe. François Brune, Raymund A. Moody, Bill e Jude Guggenheim, Dr. Jeffrey Long e Dr. Eber Alexander III. Menciona oito médiuns que, em suas experiências particulares no estado de emancipação da alma, trazem notícias delas, e, finalmente, lista treze Espíritos que as citam, tendo considerado só um por médium. Tudo isso perfaz, ao todo, 34 fontes diferentes, das quais a metade é de fora do Brasil, acredita o autor que essa quantidade é significativa considerando que Kardec, na primeira edição de O Livro dos Espíritos, confessa que havia utilizado apenas dez médiuns.

Newsletter

Receba os novos artigos em seu e-mail

Quem está Online

Temos 148 visitantes e Nenhum membro online